quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Meus Mortos, Ren Deville


Sinopse

Meus Mortos é um livro de poesias com teor sombrio - como os leigos assim chamam - ou realista.
Às vezes contraditórios; outras, ternamente duras, e ainda, cruelmente doces. 
Esse é Meus Mortos, e esperamos que também sejam os seus.


Autora

Ren Deville é o pseudônimo de alguém que não é a maior fã de seu nome, apesar dos protestos. Nasceu em São Paulo, no final da década de oitenta. É formada em Sarcasmo & Ironia e Ciências Antissociais. Ren começou a escrever há muito tempo, quando a realidade não satisfazia mais. Brincava com vampiros e hoje se aventura com outras criaturas maléficas. Participou das antologias: Elas escrevem - Andross Editora (2010), Histórias Liliputianas - Andross Editora (2010) e Âmago - Editora Regência (2011).


Dados

Livro a ser lançado


Minha Humilde Opinião

O que dizer de um novo talento que se desponta na literatura brasileira na área da poesia?

Recebi o arquivo da autora para ler criticamente o original de Meus Mortos. Mas, como sou doida mesmo, acabei perguntando se podia revisar também, já que isso seria inevitável. Ela disse que sim e mãos a obra!

Antes, avisei-lhe que não sou nenhuma expert, como todos que seguem este blog sabem, mas sofro da doença não-aguento-isso-preciso-corrigir. Não entrarei em detalhes quanto a revisão, que não foi nada, nada trabalhosa. Li, analisei e revisei rapidinho.

A leitura foi uma experiência maravilhosa. Descobri que a autora é muito mais talentosa do que eu imaginava. Sei que seu futuro é brilhante.

Mas, falemos do livro, certo?

Ele possui poesias tanto fortes e brutais quanto meigas e amáveis (minoria, rs). Impressionei-me com alguns trechos que me pegaram de surpresa. Principalmente um em especial, que não direi qual é, pois tornou-se minha poesia preferida. Fiquei minutos admirando e absorvendo cada palavra.

Sabe quando você para em um trecho do livro e fica refletindo, pensando como o autor chegou àquela frase? Foi assim que fiquei. Amo quando isso acontece.

O livro, de Deville possui vigor, pulsa a cada linha, estrofe, deixando o leitor angustiado e perplexo. É um dos poucos que percebi uma figura altamente presente, guiando a escrita. Não existe apenas o autor ali, escrevendo, há algo a mais, pungente, que toma corpo e forma durante a leitura.

E ainda digo, aqui, que pude sentir a baforada desse ser na minha orelha, quente, úmida, estranha, incômoda. Ele, que através de Ren, expõe o pior de cada um, da sociedade, de tudo. O que você luta, todo dia para abafar, esquecer, passar por cima, anuviar em sua mente, ele estampa diante de seus olhos, cerca você e termina, na última linha, seu bote, que ficou ruminando, deliciando-se, até então.

Leitura recomendadíssima!!!!

Contato da autora:
Site: Em construção (89segredos.org)
Twitter: @malefiicent






-----;)----------- Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

8 comentários:

Rapha disse...

Bom Gi, como eu sei que vc é super sincera, acredito que a Ren deve ser mesmo um talento, mas eu não sou muito fã de poesia, sabe?
Acho que meu baixo nivel de QI não consegue entende-las direito hehehehe
Mesmo assim, sucesso para ela e que Meus Mortos logo logo consiga ser publicado :)


Beijocas
Rapha - Doce Encanto

Gisele Galindo ou simplesmente Gi. disse...

Seu baixo nível de QI???? hahahahahaha
Tá bom, então... até parece, neh?!
hunf!
Ah, Rapha, normal, mt gente não se identifica com poesia.

Sim, mt sucesso para a Ren!!!!!

;)

bjs***

Marli Carmen disse...

Adorei conhecer a poetisa, ela parece ser uma pessoa muito interessante. Bjs

Gisele Galindo ou simplesmente Gi. disse...

E é Marli, ela é única!

;)

bjs***

Renata disse...

Oi Gi!!
Vou ter que confessar:
não sou muito fã de poesia.
Então essa eu vou ter que passar.
beijos

Gisele Galindo ou simplesmente Gi. disse...

Rs, compreendo, linda.

;)

bjs***

Josy Tortaro disse...

hahahaha
Amei saber que a Ren tb escreve!
Sucesso a ela!
bjossssssssssssss

Gisele Galindo ou simplesmente Gi. disse...

Josy, ela escreve mt bem!!!!!!

bjs***