sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Arma de Vingança, de Danilo Barbosa

Sinopse

O que você seria capaz de fazer por Vingança? Ana teve sua vida destruída. Mentiras, traições, dor, crime e morte deixaram nela marcas que o tempo nunca poderia apagar. Havia acabado a inocência de criança. Surgia naquele instante uma mulher pronta para ser a perfeita Arma de Vingança. Sua ira se voltaria contra todos aqueles que acharam que ela estava morta. Usaria de todos os meios possíveis para executar o seu plano. Iria mentir, enganar, seduzir e trair... Sem remorso ou pena. Afinal, esta não é uma história de amor!

Autor

Criar palavras ou até mesmo lê-las sempre fizeram parte da vida de Danilo Barbosa. Publicitário por profissão, autor e blogueiro por diversão, sempre viu na literatura uma forma de transformar os desejos mais secretos em sentimentos reais.
Escrever, para ele, sempre foi uma alegria; uma atividade que faz com respeito e dedicação. Ele mora em Ribeirão Preto, interior de São Paulo, onde vive em meio aos seus sonhos e livros.


Dados

Danilo Barbosa
ISBN: 978-85-7923-364-7
Editora: Baraúna
Páginas: 278

Minha Humilde Opinião

De primeira digo logo: esse é um livro adulto.


Apesar da linguagem fácil e nada complexa para ler, as linhas possuem tensão e vão fundo no psicológico dos personagens e do leitor, claro, que se envolve nas teias tecidas no decorrer da história.

Foi um dos poucos livros em que, mesmo atolada de coisas para fazer, li rapidinho. Pois, ele prende você de tal forma que não aguenta de curiosidade para saber o que acontecerá. Sim, tem partes em que a trama fica retilínea, mas logo o bicho pega de novo.

Não é um livro para quem não aguenta o tranco. Existem trechos fortes e detalhados, outros nem tanto, aí senti falta de detalhes. Mas, nossa, ficaria mais forte ainda e poderia ter ultrapassado a linha do bom-senso! E como é sua primeira obra, acredito que Danilo utilizou a dose certa.


SPOILER
]

Pessoalmente, achei que o autor acabou excedendo no caso do psicológico do assassino Ricardo, afinal, acredito que ele não teria tanta consciência de sua doença mental e de tudo o que causou tal problema. Talvez, se utilizasse mais ironia nessas partes elucidativas ou se tivessem sido ditas por outro personagem, ficasse melhor.



FIM SPOILER


Infelizmente o que é narrado em Arma de Vingança é real. Óbvio que Barbosa não escreveu uma história verídica, mas o que acontece no livro ocorre na vida. Fatos lamentáveis e que as autoridades e sociedade deveriam se envergonhar.

Os personagens podem muito bem ser encontrados em qualquer lugar. A Ana poderia muito bem ser uma vizinha sua. O Ricardo, seu amigo de balada. O Rambo, aquele que passa por você todo dia na rua, enquanto vai trabalhar. O Rafael, seu colega de faculdade. Enfim, todos poderiam existir e acreditem eles existem.


Na parte técnica da coisa, encontrei alguns erros de digitação e tal, mas coisa pouca e isso é totalmente normal. Não atrapalha em nada.

Uma curiosidade: vários personagens masculinos com a letra R no nome.


SPOILER


Inclusive o filhinho de Ana.


FIM SPOILER


Vale muito a pena ler!!!!


Ah, sim, lia inclusive nos intervalos de uma  de minhas séries preferidas, tamanha a vontade de terminar e saber o final. Rs.


Amei!!!!







-----;)----------- Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

5 comentários:

Rapha disse...

Oi Gi :)

Nossa, deve ser um livro bem forte então.
Eu nao li os spoilers hehehe
Fiquei super curiosa pra ler o livro do Dan, sem contar que a capa é MARA!!

Beeijão!
Rapha - Doce Encanto

Gisele Galindo ou simplesmente Gi. disse...

É sim, Rapha. Bem, não chega a um Coração Ferido... que, nossa, não gostei mt... ah, bem escrito e tal, mas dava até ânsia...

Ah, a capa é linda!!!

;)

bjs***

Danilo disse...

Obrigado pelo Carinho Gi! Fico contente que tenha gostado do livro!

Vanessa disse...

A resenha ficou fantástica Gi, parabéns!!!! Esse é um livro bem forte né? Um verdadeiro thriller de suspense!!!!

Gisele Galindo ou simplesmente Gi. disse...

Imagina, Dan... ;)

Obrigada, Van, teve uma parte que eu: oh! - Sério, falei msm, sozinha, hahaahhaha, mt bom!!!

bjs***